Espanha · Europa · San Sebastian

Roteiro de 1 dia em Sao Sebastiao no País Vasco

Visitamos San Sebastián como parte da nossa rota pelo norte da Espanha, um dos cenários mais bonitos do país, e um grande desconhecido para a maioria dos Brasileiros. San Sebastián é uma das cidades mais importantes e bonitas do País Vasco (Euskadi) e oficialmente, em vasco, se chama Donostia. Ela é a menina dos olhos do norta da Espanha e muitos dizem que é a cidade mais bonita do país.

Ela teve seu apogeu no século XIX quando, da mesma maneira que Santander, se converteu em um balneário frequentado pela realeza e nobres. A Rainha da Espanha, Maria Cristina, viúva de Alfonso XII, veraneou em suas praias por mais de 30 anos. Ela costumava ficar hospedada no Palácio Miramar e frequentar as jacuzzis do balneário “La Perla” ambos na Praia de Concha, a mais popular da cidade.

A Playa de la Concha é considerada a mais urbana da Europa e o símbolo de Donóstia. Tem 1300 metros até a fronteira com o famoso Palácio Miramar. O passeio marítimo é precioso adornado por grades brancas desenhadas por Juan Rafael Alday e as mais de 100 luminárias (todas elas diferentes) que marcam o caminho. Sao expoentes do modernismo e da elegância do século XX quando a fama da cidade começou a traspassar fronteiras.

Ao final ela se funde com a Playa de la Ondarreta exatamente onde está a obra do escultor vasco, Eduardo Chillida. Sao três peças de ferro fundidas nas pedras e conhecidas como “Peines del Viento” ou pentes do vento. Bem no final do passeio da Playa de la Ondarreta, está o Funicular de Igueldo, que leva para cima do Monte Igueldo e que oferece as melhores vistas da cidade.

Além disso, San Sebastian se transformou em uma cidade inovadora com o maior número de restaurantes Estrela Michelin por metro quadrado, e inúmeros bares de pintxos, a comida típica por excelência do País Vasco, mas disso, falamos mais para frente.

Ao chegar á cidade, se estiver de carro, a primeira coisa a fazer é colocá-lo no estacionamento, pois San Sebastian foi feita para ser conhecida a pé. Começamos pelo Paseo Nuevo que oferece lindas vistas do Mar Medterrâneo.

Seguimos para o Centro Histórico, passando pela Plaza de la Constitución, com as sacadas numeradas da época das Arenas de Touros. É o ponto de encontro favorito dos donostiarras antes de sair para tomas vinho e comer pintxos na Calle 31 de agosto. Já deu para percerber, San Sebastian é muito conhecidas pelas tascas.

O eixo dos conjuntos religiosos imprescindíveis de San Sebastian é formado pelas ruas Loyola-Hernani-Mayor. A um extremo está a Catedral del Buen Pastor, de estilo neogótico e cujas torres se vêem de qualquer parte da cidade. Do outro, em pleno centro histórico, a Basílica de Santa Maria del Coro com estilo barroco-rococó e a Iglesia de San Vicente.

Na hora de comer, a pedida é “salir de pintxos”. Os pintxos sao fatias de pao sobre as quais sao colocadas pequenas porçoes de comida sustentadas por um palito que atravessa todo o conjunto.

A parte velha da cidade tem uma densidade enorme de bares por metro cuadrado que nao sabíamos por qual começar. Optamos por ir entrando nos que havia mais gente dentro e olhávamos a barra onde ficam dispostos os diferentes pintxos que determinado bar oferece. Para acompanhar pedimos uma taça de vinho (txikito) e cerveja (zurito). Há pintxos para todos os gostos e bolsos, mas para nao errar, tenho um amigo que é de San Sebastian e me recomendou começar pela rua 31 de Agosto com o Gandarias Jatetxea (Calle 31 de Agosto, 23) e depois seguir para o Atari (Calle Mayor, 18) ou o Txepetxa (Calle Pescadería,5). Vale consultar essa guia aqui que vai sempre atualizando as novidades dos bares.

Deixe uma resposta