Edimburgo · Escócia · Europa

Edimburgo: Roteiro pelo Castelo, Royal Mile, Calton Hill e Compras

Edimburgo é a capital da Escócia desde 1437 e é a segunda cidade mais povoada do país depois de Glasgow.

O centro histórico está dividido pela o Princess Street em dois áreas: no sul fica a Old Town onde está o Castelo de Edimburgo, a Royal Mile e as ruazinhas e edifícios medievais; no norte a New Town do século XVIII com largas avenidas e casas ni estilo georgiano. Ambas são patrimônio da Unesco desde 1995.

Nosso primeiro dia começou por volta das 13:00, e partimos pela paisagem dominante de toda Old Town: Castelo de Edimburgo!

O lugar foi a princípio uma antiga fortaleza militar do século XII (só foi usado para fins civis muitos anos mais tarde) fincado em cima de uma rocha vulcânica, a Castelhill, um dos quatro tramos de ruas que formam a Royal Mile (Castlehill, Lawnmarket, High Street e Canongate).

Três dos seus lados sao protegidos por precipícios e o acesso à ele se dá por uma ruazinha bem inclinada. Ele é a atraçao principal da Old Town de Edimburgo e também de toda a Escócia. Todos os dias um canhao dispara às 13:00 em ponto do Castelo É o One o’clock Gun e o som se escuta de toda a cidade.

Isso acontece desde 1852 quando em Castelhill se instalou uma bola do tempo que caia diariamente às 13:00 para que os marinheiros, apesar da neblina, pudessem ajustar seus cronômetros.

Em 19 de junho de 1566 a Rainha escocesa Mary Queen of Scots deu a luz a seu único filho, Jacob IV, em um dos quartos do castelo. Um ano mais tarde Mary foi presa e seu filho de 1 ano foi proclamado rei da Escócia. Em 1603 com a morte da última Tudor, ele se proclamou rei da Inglaterra e da Irlanda também. Foi assim que a partir daí os maonarcas começaram a reinar d emaneira conjunta nesses territórios.

A partir da High Street seguimos pela Royal Mile, uma avenida de 1,8 km que liga o Castelo de Edimburgo com o Hollyroodhousepalace que sempre foi a residência oficial da família real, apesar de que o Castelo abrigou muitos monarcas no passado.

No caminho está a Tron Kirk, uma antiga Igreja Presbiteriana, onde há uma espécie de mercado de pulgas o Royal Mile Market com várias lojinhas de antiguidades e comidinhas.

Chegamos ao Calton Hill, a colina mais famosa de Edimburgo conhecida como a Atena do Norte. O Monumento Nacional, que lhe dá essa fama, foi construído em memória aos mortos nas Guerras Napoleônicas inspirado no Partenon de Atenas.

Também estao ao lado o Monumento a Nelson em homenagem ao vice almirante Nelson na Batalha de Trafalgar. Em 1853 se instalou uma bola do tempo na parte superior da torre para orientar os marinheiros sobre a chegada do meio-dia, no mesmo estilo do One o’clock Gun.

Também aí está o Observatório Thomas Short e o Dugald Stewart Monument em homengame ao filósofo escocês.

O Calton Hill é famoso também pelas vistas aéreas da cidade e o belo pôr do sol.

Voltamos do Calton Hill pela Princess Street porque queríamos explorar o Princess Garden e curtir o Mercado de Natal que havia por lá.

Ainda que difícil de imaginar, os jardins já foram a cloaca da cidade!

O jardim é super bonito, com a típica paisagem escocesa de grama verdinha contrastando com as pedras cinzas e os vários monumentos que encontramos pelo caminho. Dentre eles, o mais famoso é o Scott Monument, construído em 1844 em honenagem ao escritor Walter Scott.

O mercado de Natal é uma dos mais bonitos que já vi!

Na verdade, fazia tanto frio que eu precisava urgente de um vinho quente.

Passamos um bom tempo por lá e depois ficamos passeando ali pelas lojas, entrando nas ruazinhas mais fofinhas como a George Street, a Rose Street e a Charlotte Square onde no nº 16 está a casa em que nasceu Graham Bell e depois de volta para a High Street.

Essa área é bastante interessante principalmente pelas várias lojas que há por lá desde as mais populares como a Primark, a Zara, a Boots, Apple Store como as mais chiques como a imperdível Harvey Nichols (estilo a Harrods de Edimburgo com cada enfeite de Natal!), a House of Scotland (super típica para ter um kilt para chamar de seu :)) Luis Vuitton, Balenciaga entre outras.

Inclusive há um shopping dentro da estaçao de Trens, o Weaverly Mall com muito mais lojas e outlets.

“>.wordpress.com/2018/09/img_4485.jpg” alt=”” width=”723″ height=”542″ /> Weaverly Mall

[/caption]

 

Deixe uma resposta