Doiapoque a Nova York Uruguai Archives - Doiapoque a Nova York
Vinícula Alto de la Ballena em Punta del Este

Na própria “ruta” do nosso hotel “Las Cumbres”, fica uma das vinículas mais famosas e competentes do Uruguai, a Vinícula Alto de la Ballena, que fica em plena Serra da Baleia, daí o nome.

Punta del este Jun

Vindo de Montevideo pela Interbalneária, quando avistar uma rotatória e o condomínio Solana, vire à esquerda. Esta é a Ruta 12. Nosso hotel Las Cumbres fica no km 3,5 e a vinícula no km 16,5.

Já visitamos várias vinículas na Argentina, Chile e Europa, e essa foi uma das que mais gostamos. É uma vinícula familiar e lógico que tivemos sorte de termos participado do Festival do Cordeiro e do Tannat que acontece somente uma vez ao ano durante Corpus Christie, então com certeza isso influenciou nossa opinião.

Punta del este Jun

É uma vinícula familiar criada pelo casal Paula e Álvaro que transformaram sua paixão pelo vinho em negócio, produzindo uvas merlot, tanat, cabernet franc, sirah e viognier. Abre diariamente para visitas com degustação. O preço é de US$ 36 por pessoa. Mais informações no site.

É imprescindível reservar com antecedência pelo e-mail info@altodelaballena.com

A vinícula é nova e foi fundada em 2000. A primeira safra se deu em 2005 e o vinho premium, considerado o melhor do Uruguai é o Syrah. Outra especialidade da casa é o Tannat-Vignon uma uva branca que suaviza os taninos da Tannat. Mas adoramos também um rosé de Merlot com Cabernet Franc!

Punta del este Jun

A visita é conduzida pela própria dona, a Paula, que é uma enóloga super competente. Começamos recorrendo o vinhedo e as plantações, momento em que ela explica que o solo rochoso só pode ser perfurado com dinamites, para então ser semeado. Como no Uruguai chove muito, a drenagem é muito importante e o próprio quartzo retirado do solo nas perfurações ajuda no processo.

Punta del este Jun

A produção é praticamente orgânica, sem agrotóxicos, pois as grandes pragas da plantação são as maritacas e as pombas que são evitadas com o uso de uma rede que cobre as uvas.

Punta del este Jun

Ela comentou que a quantidade de uvas para a produção de um litro de vinho depende do tipo de uva. 1 kg de Merlot rende um litro, mas já o 2 kg de Cabernet rendem um litro.

Ela deu uma explicação bem didática sobre os aromas primários e secundários do vinho: os primários são os próprios da uva enquanto que os secundários surgem da fermentação da casca com o fermento agregado. São substâncias químicas que lembram as tão comentadas notas de cereja, abacaxi, couro etc.

Punta del este

Já o sabor de tostado vem do barril de carvalho. Quando o enólogo compra os barris ele escolhe a intensidade do tostado que deseja. Outra combinação é feita com a origem do carvalho do qual o barril é composto.

Punta del este

O carvalho francês é mais denso enquanto que o americano é mais poroso. Por esses poros entra o ar que oxigena o vinho e suaviza os taninos. Portanto com uvas mais fortes é usado o carvalho americano para a suavização dos sabores.

Grande parte disso é explicado na sala de fermentação onde são montadas as mesas para o almoço degustação.

Punta del este Jun

Os pratos são preparados pelo chef Leonardo, dono do Leonardo EKEA, um restaurante basco na parada 2 em Punta.

Punta del este Jun

A comida é muito boa, em especial o patê de cordeiro, que é de comer de joelhos. Também tivemos mollejas, risotto de cordero e arroz con leche. Os vinhos excelentes.

Punta del este Jun

Punta del este

 

Leia todos os posts sobre Montevideu aqui.

Leia todos os posts sobre Punta del Este aqui.

Leia todos os posts sobre Colonia del Sacramento aqui.

Leia como ir da Argentina ao Uruguai de Buquebus.

Reserve um carro no Uruguai aqui.

Reserve um hotel no Uruguai aqui.

Faça cotação e compre seu seguro viagem aqui.

Selene Soares
Selene Soares

Dicas Práticas Montevideu, Colônia do Sacramento e Punta del Este

– Documentos e Vistos

Para brasileiros não é necessário visto para o Uruguai e pode-se entra com o RG ou passaporte. Eu acho o passaporte sempre mais garantido, mas já entrei na Argentina com RG e tudo certo.

– Dinheiro e Cartão de Crédito

No Uruguai todos os lugares aceitam dólares, pesos uruguaios e reais, por isso não trocamos dinheiro, apesar de haver uma casa de câmbio bem na área do desembarque. Levamos dólares e Reais e nos viramos super bem inclusive nos pedágios pagamos em dólares. Além disso, o troco vai ser sempre em pesos, independente da moeda que você pagar.

O Uruguai oferece o desconto do imposto IVA de 22% para quem paga com cartão de crédito nos restaurantes e hotéis. E funciona mesmo, você paga o valor integral da conta e o desconto entra como crédito no cartão.

– Como chegar

A partir de São Paulo, pode-se dirigir ou chegar de avião em Montevideu ou Punta del Este. As passagens para Punta são geralmente bem mais caras então compensa ir para Montevideu e ir de carro até Punta. Mas pesquise antes. Além disso, as estradas são ótimas.

Punta del este

O aeroporto fica em uma cidadezinha chamada Canelones, a uns 15 km do centro de Montevideu e 120 km de Punta del Este.

A partir de Buenos Aires é possível pegar um Buquebus e chegar em Colônia do Sacramento como fizemos na nossa primeira viagem para lá ou em Punta del Este.

buquebus

 

– Transporte

É importante ter um carro para se deslocar pelo Uruguai. As distâncias são pequenas e além de não haver metrô nas cidades com o carro é possível visitar vinhedos e conhecer cidades próximas de Montevideu como Colônia do Sacramento, Punta del Este e Carmelo.

Alugamos um carro no próprio Aeroporto de Montevideu (Carrasco) pela Rentalcars.com. Fiz reserva no próprio site ainda no Brasil (e sempre com uma boa antecedência para conseguir um valor baixo).

Punta del este

A diária ficou por volta de US$35. No Uruguai não é necessário pagar o seguro, eles apenas bloqueiam uma quantia no cartão de crédito e desbloqueiam na devolução.

A gasolina por lá é bem cara, cerca de R$5 o litro e o tanque tem que ser devolvido pela metade.

– O que comer

O Uruguai é conhecido pelo churrasco ou asado como chamam por lá. Dizem que lá existem 4 vacas por habitante, ou seja por volta de 12 milhões de cabeças de gado. A geografia plana dá origem a uma carne macia e tenra.

Punta del este

Outro detalhe que garante a maciez do asado é a grelha inclinada a 45°. A carne perfurada pelo espeto perde o “suco” e o sal entra nos furos e ajuda a desidratá-la. No churrasco Uruguai o o sal grosso é colocado da metade do processo para o fim para manter a carne húmida.

uruguai

Outro prato típico que vale a pena provar é o Chivito, um sanduíche de lomo (o filé mignon uruguaio), presunto, queijo, ovo, maionese, cebola, picles e tudo mais que você desejar.

chivito

Não esqueça do típico alfajor, do chimarrão que lá é chamado de yerba, do clericó (vinho branco com frutas e suco de laranja) e o famoso doce de leite da Fazenda Lapataya.

Punta del este

Se for até Punta, pode visitar a fazenda (ótima opção para crianças) e comprar direto da fonte. Caso contrário tem para vender em quase todos os supermercados.

Punta del este

Em Punta, alguns restaurantes só funcionam na altíssima temporada – de Novembro a Fevereiro – portanto é importante reservar antes de ir e verificar se estarão abertos.

Leia todos os posts sobre Montevideu aqui.

Leia todos os posts sobre Punta del Este aqui.

Leia todos os posts sobre Colonia del Sacramento aqui.

Leia como ir da Argentina ao Uruguai de Buquebus.

Reserve um carro no Uruguai aqui.

Reserve um hotel no Uruguai aqui.

Faça cotação e compre seu seguro viagem aqui.

 

 

Selene Soares
Selene Soares