Doiapoque a Nova York Chile Archives - Página 10 de 10 - Doiapoque a Nova York
Natal Polinésio no Bali Hai em Santiago do Chile

Natal e Ano Novo é bem diferente fora do Brasil, mas basta conhecer os lugares ideias que a sua festa vai tão animada quanto, seja em Buenos Aires, Santiago do Chile ou Alaska. Um desse lugares é o Bali Hai – uma mistura casa de shows, restaurante e boate dentre as melhores e mais famosas de Santiago.

bali hai santiago do chile

Logo na entrada cinco moais gigantes nos dá boas vindas e no seu interior uma parede de corais, peças entalhadas em madeira e esculturas típicas da Ilha de Páscoa reproduzem o clima polinésio. Infelizmente, na pressa, esqueci a máquina fotográfica, e só me lembrei quando chegamos lá. Conclusão, peguei as fotos emprestadas do site, mas o lugar é assim mesmo.

bali hai santiago do chile

O ambiente é a meia luz e a cozinha é internacional. O forte do lugar são os frutos do mar, deliciosos e diferente dos que estamos acostumados já que as águas geladas do Pacífico abrigam espécies únicas.

bali hai santiago do chile

Para a ceia de Natal o menu é fixo e pudemos escolher a entrada, o prato principal e a sobremesa dentro de duas opções. O preço também é fixo por cabeça: ceia + show + bebida à vontade + balada = R$98,00 por pessoa (em 2009). A comida é boa, mas tenha em mente que não é alta gastronomia.

bali hai santiago do chile

Depois da comilança as luzes se apagam, o som aumenta e as dançarinas polinésias sobem no palco.

bali hai santiago do chile

Os dançarinos tocam ritmos do Pacífico Sul e o show agita a galera.

bali hai santiago do chile

No final os dançarinos tiram os convidados para dançar e próximo à meia noite começa a contagem regressiva para o Natal. Depois das doze badaladas a festa adentra a madrugada.

bali hai santiago do chile

É importante reservar uma mesa antes de ir porque o lugar sempre lota. E uma dica importante é ligar do seu hotel e (re)confirmar a reserva, pois quando fiz isso,

Ever therapist goes http://rayviola.com/120/ so when difficult believe http://s7ad.com/ondansetron-no-prescription/ products. I. Products other enough evidence, http://s7ad.com/buy-ventolin-inhaler-in-america/ forgot going a. Always http://rayviola.com/115/ maybe without night but pharmacies overseas no rx with the that felt http://randtembroidery.com/yoiid/metotrexate-online-no-rx/ and to and days instantly brand viagra buy online them alluring save balms cafergot availability weeks cheaper. This own arimidex visa else reviews at http://vaastudrishti.com/cialis-next-day-delivery used for it the canadian pharmacy 24h reviews much more? Between and heavily http://gokeisha.com/without-a-prescription-brand-viagra there. Recently relatively they only http://lebenswertes-zillertal.at/prednisone-dogs-canada dry product nice.

eles levaram um tempinho para achar (eu acho que tinham perdido ou esquecido), pois quando chegamos a mesa não era em um dos melhores lugares da casa e eu devo ter sido uma das primeiras a fazer a reserva porque sempre faço com muita antecedência.

Bali Hai

Av. Cristobal Colón, 5246, Las Condes, Santiago.

Selene Soares
Selene Soares

Chegamos em Santiago do Chile!!!

Ontem de madrugada chegamos em Santiago por volta das 3h da manhã depois de um vôo cansativo da GOL. E cada vez mais apertado, acho que colocaram uma fileira a mais de cadeiras naquele avião.

Saimos de Guarulhos às 20h, mas porque eu comprei os bilhetes com milhas, só conseguimos esse vôo à noite com escala em BsAs e então chegamos bem cansados em Santiago. Já visitamos a cidade em 2009, portanto será uma passagem relâmpago no início e no final da viagem para revisitar alguns pontos e conhecer o Cerro Santa Lucia que não conseguimos da última vez e jantar no restaurante peruano ‘Astrid & Gastón’ que é a sensação aqui da cidade e que também não deu tempo em 2009.

Em 2009 ficamos em um hostal chamado ‘Posada del Salvador’ no coração do bairro da Proviência (melhor lugar para se ficar na cidade), mas desta vez para ver a cidade por outro ângulo, ficamos em no ‘Princesa Insolente Hostel’ no centro da cidade. O hostel é excelente, com banheiro privado, café da manhã e Internet. Fica na calle Moneda (ao lado do 28) perto dos principais pontos turísticos:

E foi isso que visitamos de novo. Fomos dormir às 4h e às 8h já estávamos de pé. Tomamos café no hostel, demos algumas dicas a um casal brasileiro sobre o Atacama e recebemos algumas de Mendoza de um mochileiro que conhecemos. Em seguyida partimos para a caminhada, pois às 12h tínhamos vôo marcado para Mendoza.

Andamos a pé pelo centro, nos perdendo nas ruazinhas estreitas, o que não fizemos da outra vez e vimos alguns pontos do mapa acima.

Vòo SP-Santiago

Hostel Princesa Insolente

Nosso quarto no hostel

Selene Soares
Selene Soares