Doiapoque a Nova York Passeios em São Paulo Archives - Página 4 de 12 - Doiapoque a Nova York
Doces Portugueses na Casa Mathilde
EM: 29 DE julho DE 2015

Descobri a Casa Mathilde há um ano mais ou menos quando fui visitar o Edifício Banespa no Centro de São Paulo.

Casa Mathilde

A loja fica na Praça Antônio Prado, bem próximo do prédio da Bolsa de Valores e do Edifício Martinelli e do Edifício Banespa. O local foi escolhido como homenagem e também para ajudar na revitalização do centro da cidade.

Casa Mathilde

A Casa Mathilde origibnal foi fundada em Sintra, em Portugal, em 1850 – veja nossa viagem para Sintra aqui. Ela surgiu de uma casa de queijadas (muito comuns em Portugal) de mesmo nome. Um dos descendente decidiu abrir uma filial em São Paulo e – sucesso!

Casa Mathilde

A seleção de doces é enorme, são mais de 30, entre os famosos Pastéis de Belém que o confeiteiro não vence fazer de tanto que vende, Pastel de São Bento, Travesseiros de Sintra (meu preferido!), Salame de Chocolate, Nozes Glaçadas, Toucinho do Céu entre outros.

Casa Mathilde

A fila para escolher e comprar os doces é enorme e por isso eles estão sempre fresquinhos e quentinhos! Aliás a empadinha de camarão é imperdível – tem que experimentar.

A Casa Mathilde é parada obrigatória para quem estiver visitando o Mosteiro de São Bento, o Edifício Martinelli ou o Edifício Banespa.

Casa Mathilde

Praça Antônio Prado, 76 – Centro – São Paulo- SP

Selene Soares
Selene Soares

Solar da Marquesa, Casa da Imagem e Beco do Pinto
EM: 27 DE julho DE 2015 Tags:

O Beco do Pinto é uma antiga passagem entre o Solar da Marquesa de Santos e a Casa da Imagem,  atualmente destinado a abrigar projetos de artistas contemporâneos desenvolvidos especialmente para o espaço.

Solar da Marquesa

Atualmente, juntamente com a Casa da Imagem e o Solar da Marquesa de Santos, integra o Museu da Cidade de São Paulo.

Solar da Marquesa

O Beco do Pinto era uma passagem utilizada na São Paulo colonial para o trânsito de pessoas e animais, ligando o largo da Sé à várzea do rio Tamanduateí.

Solar da Marquesa

Seu nome levou o sobrenome do proprietário do “Solar da Marquesa” que na época era o Brigadeiro José Joaquim Pinto de Moraes Leme.

Solar da Marquesa

Em 1834, a Domitila de Castro e Canto Melo – a Marquesa de Santos – (e amante de D. Pedro I) comprou o imóvel da filha do Brigadeiro Pinto e conseguiu, da Câmara, o fechamento da passagem.

Solar da Marquesa

Por issso até hoje é possível avistar vestígios de calçadas do século XVIII em paralelepípedo.

Solar da Marquesa

A Marquesa transformou a casa em uma das residências mais aristocráticas de São Paulo recebendo artistas e escritores renomados em luxuosos jantares e festas. A casa é considerada o último exemplar urbano da arquitetura do século XVIII.

Solar da Marquesa

Confesso que a restauração que foi feita mudou e muito sua construção original, mas a sensação de estar em uma das casas mais antigas da cidade é inigualável e só por isso já vale a visita.

Solar da Marquesa

Além disso hoje a casa é um museu com entrada gratuita com várias exposições itinerantes.

Solar da Marquesa

Ao lado fica a Casa da Imagem que foi minha preferida. Hoje ela também é um museu com exposições itinerantes, no dia que fomos era sobre “Papéis Efêmeros da Fotografia” com fotos antigas da rua São Bento, rua Direita, Avenida Paulista e rua XV de Novembro.

Casa da Imagem

A Casa da Imagem é uma das edificações históricas foi criada para ser a sede do Acervo fotográfico de São Paulo e sua preservação.

Casa da Imagem

Casa da Imagem
Em 2009 iniciaram-se as obras de restauro inclusive das pinturas ornamentais internas que são lindas.

Casa da Imagem
A Casa da Imagem junto com o Solar da Marquesa integram uma das 13 edificações históricas que representam o uso residencial aristocrático na segunda metade do século XIX e nesse sentido, está bem mais preservada que o Solar da Marquesa e muito mais interessante para entender como eram as casas naquela época.

Casa da Imagem

Tanto a Casa da Imagem quanto o Solar da Marquesa compartilham o Beco do Pinto, que hoje é chamado de Beco do Colégio, pois fica bem ao lado do Pátio do Colégio.

Patio do Colégio

Solar da Marquesa de Santos

R. Roberto Símonsen, 136 – Centro, São Paulo

Casa da Imagem

R. Roberto Símonsen, 136 B – Centro, São Paulo

 

Selene Soares
Selene Soares