Doiapoque a Nova York Arquivos 21/11/2011 - Doiapoque a Nova York
Roteiro pelo Vale Sagrado dos Incas – Parte 1

O Roteiro pelo Vale Sagrado dos Incas (projeção da Via Láctea) é formado pelo rio Urumabamba (ou rio sagrado) que une o complexo de Pisac e Ollantaytambo, que é parte do caminho n atural que, seguindo o rio, leva a Macchu Picchu. Veja a segunda parte do passeio aqui.

Os complexos de Pisac e Ollantaytambo eram lugares chave na organização política e religiosa do Império Inca. A produção agrícola tinha uma caráter ritual e seus agricultores e moradores eram selecionados para ter o privilégio de ali se estabelecer.

Vale Sagrado

A primeira parada é no mercado de Pisac onde são vendidos artesantos, malharia e tecidos andinos.

Mercado de Pisac

Em seguida chegamos ao complexo arqueológico que fica ao lado direito do rio Urubamba.

Chegando em Pisac

Todo o complexo divide-se em três partes: a militar, formada pela fortaleza e os quartéis dos soldados; a religiosa, formada pelo santuário e o teplo do sol; e a cidade onde estão as fazendas dos moradores escolhidos.

As construções de uso militar e as fortalezas se encontram sobre a segunda parte da montanha, em um ponto estratégico que permitia a observação.

Vista Pisac

Terraças usadas para agricultura

Vista

O santuário fica no primeiro nível e possui sete construções de pedra polidas. No centro está o Intihuatana, o adoratório principal inca consagrado ao sol, cuja vista dá às profundidades do vale sagrado.

Setor Religioso Pisac

Intihuatana – Pedra do Sol

Cidade

Acabamento de menor qualidade

Partimos então para Ollantaytambo, no outro extremo do Vale Sagrado, muito perto de Machu Picchu. Veja a segunda parte do passeio aqui.

Seguindo para Ollantaytambo

Chegada em Ollantaytambo

Mercado de Ollantaytambo

PLANEJANDO UMA VIAGEM PARA O PERU?

Encomende seu roteiro personalizado com cotação de hotel, passagens e passeios porselenenascimento@uol.com.br

Reserve seu hotel aqui no Peru

Faça seu plano de saúde aqui para visitar o Peru

Selene Soares
Selene Soares