Doiapoque a Nova York Doiapoque a Nova York - Doiapoque a Nova York
Porto – Praça da Batalha, Rua Santa Catarina e a Famosa Francesinha

Chegamos à noite na cidade e fomos direto para o nosso Hotel Pensão Residencial Don Filipe I, super bem localizado e novinho em folha. Nós adoramos!

Já estava anoitecendo e aproveitamos para começar nosso roteiro cidade do porto com uma volta rápida pelo bairro. Tenho que dizer que a cidade do Porto é mágica e apesar de não tão bem cuidada como outras cidades Européias é um dos lugares mais charmosos que já visitamos.

Infelizmente Portugal, assim como o Brasil, não cuida bem dos seus edifícios/ monumentos que estão um pouco deteriorados pelo tempo, mas nada tira o encanto e a história que os cerca. Aliás, isso era uma coisa que sempre comentávamos, como os brasileiros herdaram várias características da cultura portuguesa e muitas vezes tínhamos a impressão de estar no Brasil, só que com mais segurança.

Porto

Fiquei tão encantada com a cidade que quis começar a passear o quanto antes. Começamos pela Praça da Batalha que era do lado do hotel e que foi palco, como diz o nome, da batalha entre Almançor (cidade árabe) e Porto que tentaram dominar a cidade.

Em frente à praça há um palacete real, que virou hospital durante a guerra e foi recentemente vendido à rede de hotéis Dona Inês que vai montar ali um hotel de charme.

Também em frente estão o Teatro Nacional São João e o Cine-Batalha. Dois prédios históricos do século XIX.

Porto

Um pouco mais a frente está a Igreja de Santo Ildefonso que é um desbunde de tão linda! Toda coberta por azulejos do século XIX que retratam a vida do Santo é um dos pontos altos da cidade.

A rua que segue na lateral da Igreja é a mais famosa da cidade: a Rua de Santa Catarina, a principal rua peatonal de comércio de luxo da cidade. Um prédio mais bonito que o outro, entremeados por shoppings, barraquinhas de louças portuguesas e muita gente.

Porto

E um dos prédios mais bonitos é de 1721, que hoje abriga o Café Majestic, um café histórico que já recebeu vários pensadores portugueses.

Porto

Porto

Uma excelente parada para tomar um vinho ou sangria acompanhados pela famosa francesinha, o prato típico da cidade! Imperdível.

Porto

PortoA rabanada também é deliciosa!

Porto

Café Majestic

Rua de Santa Catarina 112, Oporto 4000-442, Portugal

Selene Soares
Selene Soares

Onde comer barato em Amsterdam

Amsterdam é uma cidade cara, mesmo comparada com outras da Europa. Mas dá pra comer coisas deliciosas nas lanchonete, food trucks e até em alguns restaurantes por volta de 3-5 euros por pessoas.

Os holandeses comem lanche na hora do almoço e como resultado, lá pelas 17 ou 18h eles já estão varados de fome e prontos jantar. Então se quiser jantar fora, programe-se para sair cedo, pois depois das 20h já está tudo fechado e o negócio vai ser apelar para um lanche. As lanchonetes ficam abertas até mais tarde, mais ou menos até às 22:00.

Para seguir a tradição, na ora do almoço vá de lanche e deixe os restaurantes para à noite! Além de bem gostoso o bolso agradece ;).

Nesse post escrevi sobre as comidas típicas da Holanda e que podem ser encontradas nos restaurantes abaixo:

1) Food trucks

Limpíssimos e espalhados por toda a cidade. Ideal para comer os Boodjes, croquetes e arenque com pão.

Amsterdam

2) Vlaamse Frites

Amsterdam

A batata frita é o orgulho nacional dos holandeses (apesar se eles comerem a versão belga) e são encontradas por toda a parte em cones individuais ou em como acompanhamento de lanches e pratos, pois eles não comem arroz e o substituem pela batata frita.

Amsterdam

Experimentei em vários lugares e a que mais gostei foi a da Vlaamse Frites acompanhadas de maionese, jupsauce, molho holandês, de amendoim ou catchup. O melhor croquete (Bitterballen) que comemos.

Amsterdam

3) Febo – de lekkerst!

Febo é uma rede de fast food de frituras que ficam em forninhos na parede. Não experimentamos por falta de oportunidade, mas o fluxo de holandeses era intenso e os forninhos eram esvaziados e reabastecidos constantemente.

Amsterdam

Não há atendentes, você coloca a moeda (1 ou 2 euros) no forninho escolhido e voilá – um pestico holandês. No balcão ao lado o atendente vende as batatas fritas no cone. Rápido e barato.

4) Maoz

Delicioso! Você sabe o que é falafel? É um bolinho de grão de bico e tahine do oriente médio que eu simplesmente adoro. Já fiz muitas vezes em casa e imaginem o tamanho da minha alegria quando dei de cara com o restaurante especializado em falafel!

Amsterdam

Falafel no pão sírio, com salada, no ato de todas as formas e, se quiser, acompanhado de batatas fritas. Molhos e buffet de saladas (tomate, pepino, berinjela, tabule etc.). Média de 3 euros o sanduíche de falafel.

Amsterdam

5) Mercados Albert Heijn e Hema

Os mercados são excelentes e muito baratos. O Albert Heijn é tipo o nosso pão de açúcar ideal para comprar queijos, cerveja, vinho, stroopwafel e chocolates.

Amsterdam

O Hema é ainda mais barato, tem inclusive uma lanchonete dentro com sanduíches e cafés (média de 2 euros o sanduíche) e vários pratos prontos que vão de saladas com camarões gigantes, cuscuz marroquino, lasanhas a pratos típicos da culinária holandesa. Inclusive a salsicha “rookworst” deles é considerada a melhor da Holanda e que compões alguns pratos típicos como o Zuurkool Stamppot que falei aqui e servida no restaurante Moeders que falo abaixo.

Amsterdam

Os pratos custam de 3 a 6 euros e se o seu hotel tiver cozinha com micro-ondas pode se jogar.

6) Simit Sarayi

Desde que morei na Alemanha e comi os sanduíches maravilhosos de lá feitos com mussarela de búfala, pesto, pães com sementes nunca mais consegui comer qualquer sanduíche sem compará-los até que em Amsterdam encontrei o Simit Sarayi.

Amsterdam

Uma lanchonete exclusiva de sanduíches gourmet, mini pizzas e alguns salgados típicos e frequentada pelos locais! Parada obrigatória na hora do almoço! Super recomendo! A média de preço dos sanduíches é de 3-6 euros.

Amsterdam

7) Moeders

Esse restaurante é ideal para experimentar comida típica holandesa. É mais caro, cerca de 20 euros por pessoa, mas pelo menos uma noite, quando estiver passeando pelo bairro Jordaam, você tem que ir.Ele é famoso por ostentar em suas paredes fotos das mães dos clientes. Inclusive você pode levar a foto da sua mãe que eles pendurarão por lá.

Amsterdam

A dica aqui é pedir a seleção de pratos típicos que são uma série de mini pratos típicos para você degustar o melhor da culinária holandesa. Vale a pena!

Selene Soares
Selene Soares